Seguidores

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Psicodélica...




Muita cor, muita informação. Um mundo submerso...
Nada disso remete ao conceito clássico, nada disso pretende ser convencional.
Uma grande brincadeira, ilusão, diversão, variedade de sensações.
Viver sem sonhar não é viver...é sobreviver, e em preto e branco.


Imagem: 2006 "Fundo do Mar"

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Inverno

No dia em que fui mais feliz
Eu vi um avião
Se espelhar no seu olhar até sumir
De lá pra cá não sei
Caminho ao longo do canal
Faço longas cartas pra ninguém
E o inverno no Leblon é quase glacial
Há algo que jamais se esclareceu
Onde foi exatamente que larguei
Naquele dia mesmo
O leão que sempre cavalguei
Lá mesmo esqueci que o destino
Sempre me quis só
No deserto sem saudade, sem remorso só
Sem amarras, barco embriagado ao mar
Não sei o que em mim
Só quer me lembrar
Que um dia o céu reuniu-se à terra um instante por nós dois
Pouco antes de o ocidente se assombrar


"Inverno" Adriana Calcanhotto



















Hj começou o inverno... Uma pequena homenagem a esta
estação do ano, q particularmente, eu não gosto
Mas q deixa os dias sombriamente romanticos. Acho q a
letra dessa música consegue traduzir exatamente essa atmosfera.




No desenho: Noite de Inverno (gouache e nanquim/2007)
*

sexta-feira, 18 de junho de 2010

Trabalho e + trabalhooooooooooooo



Trabalhando um pouquinho mais do que costumeiramente.

Melhor...."cabeça vazia oficina do ..." Sabe, né?
Tbm, nesse ultimo mês, estive especialmente criativa. Sei lá!
De repente mil idéias surgiram...! Tão legal...
Meus lápis e folhas pareciam novidade. E nem eram.


Mais uma memória recente de tema oriental.

quarta-feira, 9 de junho de 2010

Sem gravidade

Eu hoje joguei tanta coisa fora
Eu vi o meu passado passar por mim
Cartas e fotografias gente que foi embora.
A casa fica bem melhor assim
O céu de ícaro tem mais poesia que o de galileu
E lendo teus bilhetes, eu penso no que fiz
Querendo ver o mais distante e sem saber voar
Desprezando as asas que você me deu
Tendo a lua aquela gravidade aonde o homem flutua
Merecia a visita não de militares,
Mas de bailarinos
E de você e eu.


"Tendo A Lua"______Os Paralamas do Sucesso

*
*